SmartDays

04.02.2018

Em Janeiro participei de um evento organizado pela empresa Adisseo, chamado SmartDays. O objetivo do evento era conversar sobre a importância do amino ácido metionina na produção leiteira. A muito se sabe que amino ácidos são os nutrientes exigidos pelos animais, e não proteína. Por mais que a limitação de dados ainda não permita o balanceamento de dietas para amino ácidos em ruminantes, como já e feito em monogástricos, já existem muitas pesquisas mostrando a importância de amino ácidos específicos na produção de leite, reprodução e saúde de vacas leiteiras. Dentre estes amino ácidos, a metionina é o mais estudado e foi o tema do SmartDays.

 

O formato do evento foi inovador. As palestras abordaram a importância da metionina na saúde e na reprodução das vacs e evidenciaram como isso se conecta intimamente com a produção de leite. Tradicionalmente na comunidade científica, pesquisadores se especializam em um tópico, por exemplo nutrição ou reprodução, e tendem a olhar para o animal com foco exclusivo neste tópico. Como nutricionistas, sempre olhamos para metionina como um amino ácido limitante para produção de leite e buscamos formas de balancear dietas com o perfil mais adequado de amino ácidos para maximizar produção. No entanto, como foi muito bem apontado pelos palestrantes Dr. Milo Wiltbank (University of Wisconsin, Madison) e Dr. Dan Luchini (Adisseo, EUA), ao entrar no organismo do animal, a metionina pode ser direcionada a diversas rotas metabólicas que não a produção de leite. A metionina é precursor de antioxidantes potentes e auxilia na saúde hepática, tão necessária para a vaca leiteira em períodos desafiadores como logo após o parto. Além disso, dados recentes tem sugerido um efeito positivo da metionina nas taxas de prenhes e de sobrevivência de embriões. Dessa forma, fica claro que a ciência não pode ser dividida em categorias, já que o metabolismo animal é consequência do balanço entre todos esses sistemas, que tradicionalmente são estudados de forma individual. 

 

Além das palestras sobre ciência da metionina, alguns períodos foram destinados a discussões mais práticas. O Dr. Mike Shearing, nutricionista de rebanhos altamente produtivos do oeste dos EUA, demonstrou como balancear dietas com o uso da metionina protegida, evitando aumento no custo da alimentação. Antes do evento, Mike passou alguns dias viajando por fazendas que já vem utilizando essa tecnologia e conhecendo melhor suas dietas e condições alimentares. Dessa forma, a discussão foi em cima da realidade de produtores brasileiros, o que aumentou muito a interação entre os presentes. Reprodução também foi tema de outro painel de discussão prática, com os participantes sendo distribuídos em grupos para propor soluções para problemas reais de fazendas.

 

Por fim, outro diferencial do evento foi o público presente. Um conjunto de pesquisadores e produtores, todos relacionados de alguma forma com metionina, fez com que o interesse pelos temas apresentados fosse inflacionado e permitiu interações muito ricas.

 

Para saber mais sobre o evento e assistir aos vídeos com entrevistas com os participantes, acesse o link abaixo:

https://www.milkpoint.com.br/empresas/novidades-parceiros/adisseo-reune-setor-lacteo-para-debater-nutricao-e-reproducao-em-vacas-leiteiras-206933/ 

 

Marina Danes

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

  • LinkedIn Social Icon

© 2017 por Marina Danes.

logo lattes.jpg